sexta-feira, junho 22, 2007

Não procuro uma saída

Dentre tantos novos caminhos e descobertas,
talvez a que mais me cause espanto é a descoberta de mim mesma.
Enxergo-me com outros olhos.
Menos severa, mais condescendente talvez.
Foram tantos, e tão difíceis os momentos em que acreditei que
não valia à pena sequer tentar.
Duvidei de mim mesma, da minha força e capacidade.
Com o tempo, e só com ele, percebi do quanto eu seria capaz.
Do quanto fui, e anda hoje reconheço com surpresa, do quanto ainda sou.
Tenho falado tanto de sonhos e planos, e quando hoje alguém me perguntou
quais eram meus planos para o futuro, não hesitei e a resposta veio antes mesmo que eu pudesse sequer articular palavras.
Meu plano maior é viver.
Nada me importa mais que ser e fazer diferença na vida daqueles a quem eu amo.
Nada.
Nem trabalho, nem dinheiro, nada.
Houve tempos em que eu queria tanto, sonhava tanto.
Coisas com as quais todo mundo já sonhou um dia.
Uma casa, um lar, um canto pra chamar de seu.
Conforto, estabilidade financeira, uma carreira, um trabalho decente que me motivasse e estimulasse a crescer sempre mais.
Um amor verdadeiro, e inteiro.
Nunca quis encontrar a "outra metade".
Sempre quis encontrar meu "outro completo".
Amar plenamente.
Sem jogos, sem dramas.
Amar simplesmente.
O sexo, a alma, o pensamento.
Hoje,eu sei, quero tanto e quero tão pouco.
Nem um pedaço de chão quero mais.
Quero sim, um pedaço de vida.
Fértil, produtiva.
Tão pouco me resta e tão pouco de fato eu tenho.
Mas é tanto e tão maior o que sinto.
E eu sei:
Não tenho medo da vida, ela é que tem medo de mim.
Não procuro uma saída.
Eu quero mesmo viver assim.



Bon Jovi "Blaze of Glory"

15 comentários:

  1. Bom Dia

    É sempre muito bom, quando podemos fazer uma boa reflexão da vida, de nosso caminho. Parabens e que te sinta feliz todos os dias de tua vida.Bom final de semana.
    Bea

    ResponderExcluir
  2. Phobus4:33 AM

    Perfeito!!Era tudo o que eu precisava ler para iniciar um bom dia hoje.
    Obviemente não nos conhecemos mas tenho passado por aqui sempre que dá.
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  3. Anônimo6:28 AM

    Olá
    que bom que vc está de volta, estava sentindo falta do seu blogger.
    Felicidades!
    Bjs
    Bia

    ResponderExcluir
  4. Lindo Post parabéns ! te linkei pq amei seu cantinho...

    ResponderExcluir
  5. Nossa, Bia... tenho andado muito ocupado com a faculdade que resolvi cursar de novo depois dos cabelos encanecidos... Por conta disso tenho andado displicente com as visitas aos blogues amigos. Então só agora descobri que vc está aí pertinho de Seatle. Tá se adaptando bem... e o filhote?! Abraços e minha torcida pra vc conseguir tudo o que almeja com a mudança... abraços!

    ResponderExcluir
  6. olá
    Voltando por aqui para te desejar uma boa semana. Bea

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Oi Bia! Meu nome é Beatriz e passei aqui p dizer q vc conseguiu colocar em palavras a maneira como também me sinto e encaro a vida. Muito bom. Parabéns!!! Nós "Bias" somos realmente cabecinhas incansavelmente reflexivas não é?!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  9. É essa auto-reflexão é interessante. Olhando de fora parece sempre boa e agradável, mas quando fazemos a nossa própria, fica aquele gosto amargo na boca...
    Será que é só comigo??

    Abraços...

    ResponderExcluir
  10. Sempre visito seu blog e resolvi deixar aqui meu blog de revendas para vc dar uma espiadinha! Se vc puder passar para amigas, será ótimo!http://bloglafleur.blogspot.com/

    Agradeço desde já!
    Renata

    ResponderExcluir
  11. Bia, seu blog é boníssimo. Assinei seu feed para poder acompanhá-lo! A imperfeição dos seus pensamentos é perfeita!
    Um abração, e boa semana!

    ResponderExcluir
  12. Anônimo7:09 PM

    É de sua autoria tal reflexão?
    É que já a encontrei em vários sites e blog's... Não sei se é mais um dos textos que rolam na net e perdem a autoria... O que, é claro, não perde a beleza da reflexão, tão intensa, tão real que parece muito com muitas de nós; gostaria de usá-la também, mas me sentiria melhor se atribuise os devidos créditos!

    ResponderExcluir
  13. Um ótimo texto (de quem é?) e com muito valor...eu espero transmitir palavras de tamanha articulação para as pessoas que verem o meu blog... http://www.adelia-helcio.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Parabéns pelo Blog...
    convido a visitar o meu...
    Papier et Stylo
    Um blog de pensamentos e filosofias.
    www.papieretstylo.blogspot.com
    Abraçoss

    ResponderExcluir