quinta-feira, abril 19, 2007

A vida como ela é

Venho tentando não fazer alarde.
Mas como não fazer?
Quem me conhece sabe...
Eu não choro à toa.
Os últimos dias têm sido muito difíceis, e eu não nego a culpa.
A responsabilidade é minha.
Eu tomei a decisão, eu dei o passo.
Como tantas outras vezes fiz.
E eu sei que o caminho de volta está ali.
Então não há muito o que pensar...ou há?
Talvez porque eu seja assim tão cabeça dura, e não queira nunca dar o braço a torcer
de que estou errada.
O tio da cartola me observa, com um sorriso de escárnio, e acho que ele pensa "Mais uma!!"
Em que fim de mundo fui me meter?
Talvez não seja nem o lugar, nem as pessoas.
Talvez seja eu.
Que redundância estúpida parareconhcer que estou perdida, e triste, e me sentindo sozinha.
Que droga!

2 comentários:

  1. Texto perfeito.
    Dias difíceis. Me sentindo perdida. Mas como vc descreveu "Eu tomei a decisão, eu dei o passo." Se o depois fosse como eu queria, estava bom até.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. daiane santos7:38 PM

    olá bia
    sou uma de suas leitoras fieis
    sempre pego alguns de seus escritos , pois me identifico d+ com eles
    me desculpa por isso
    mas vc consegue traduzir tudo o q ando sentindo ainda mais
    esses dias.....

    ResponderExcluir